Dicas de Fotografia

6 motivos para NÃO usar a lente 50mm nas suas fotos

Ela é quase uma unanimidade. A maioria ama e costuma recomendar sem contraindicações. De fato, a objetiva 50 milímetros – a popular “cinquentinha” – é uma das lentes mais queridas pela comunidade fotográfica e aplicada nas mais diferentes situações: pelo desfoque atraente e nitidez é usada em retratos, reportagens e ensaios diversos. Isto posto, pode parecer uma heresia levantar a voz contra essa verdadeira instituição da boa fotografia. Rodrigo Jordy, do blogue Foto Fácil, fez isso. Seu artigo levanta algumas questões que geralmente o usuário, especialmente o fotógrafo iniciante, não leva em conta ao adquirir a sua primeira 50mm. Portanto, permanece válido. Abaixo, as considerações de Rodrigo:

1 – “Não consigo acionar o zoom da minha cinquentinha, parece que ela está com defeito”

Ela não está com defeito, ela simplesmente não tem zoom. É uma 50mm, não uma 18-55mm que vai de 18mm até 55mm, totalizando aproximadamente 3x de zoom. Típico erro de quem comprou sem nem saber para que serve essa lente (muitas vezes baseado em indicações de foristas que diziam ser uma lente obrigatória), ainda não leu nada sobre distância focal e nem conhece as nomenclaturas e os números existentes em cada lente.

2 – “Está muito difícil fazer o foco, tanto manual quanto automático”

Tomando por base a 50mm f/1.8 (a mais comum), a profundidade de campo é muito rasa e isso torna o foco mais difícil. Essa lente não possui apenas a abertura f/1.8, possui outras, geralmente até f/16. Explore a lente! Se ficar preso apenas ao f/1.8 (como 80% dos usuários fazem) estará subutilizando a lente e não aproveitando o máximo de nitidez que ela pode oferecer, que fica geralmente entre as aberturas f/2,8 e f/4.0; use-as também. Conforme as lentes forem mais claras (como f/1.4 e f/1.2), menor será a profundidade de campo e maior será a dificuldade em focar.

iPhotoChannel_Lentes_50mm_1

3 – Minha cinquentinha não faz autofoco, deve estar com defeito (para usuários Nikon)

Provavelmente você não se informou sobre o famigerado motor de foco. Algumas Nikon não possuem motor de foco e necessitam de objetivas AF-S para tal. A cinquentinha mais barata da Nikon é AF e só fará autofoco nas reflex Nikon dotadas de motor de foco. Deveria ter pesquisado mais antes de comprar.

4 – “Pretendo fazer eventos só com a cinquentinha”

Pode até fazer, mas não sentirá falta de uma grande-angular em momento algum? E aquela foto da família reunida lado a lado? Para fazer todo mundo caber em uma 50mm de ângulo um pouco fechado vai ter que dar muitos passos para trás, ainda mais se estiver usando uma câmera com sensor APS-C, que vai ser equivalente a uma 75 ou 80mm. E pode faltar espaço, dependendo do local…

5 – “Quero fotografar aves à distância e me indicaram a cinquentinha”

Provavelmente quem indicou acha que a 50mm faz tudo. Mas não faz, vai ficar faltando alcance, para isso existem as teles, que chegam a 200mm, 250mm, 300mm e nem são tão caras assim, se for comprar aquelas com zoom que começam com 50, 55 ou 70mm.

6 – “Estou tentando fazer fotos noturnas com a 50mm porque disseram que ela resolveria, mas não está adiantando”

Resolver não, mas ajuda muito se a pessoa souber usar os controles manuais e tiver um bom tripé. Só ter a lente não resolve nada, nunca resolveu.

“Não quero dizer que uma objetiva 50mm é ruim, longe disso, ela é excepcional! Ainda mais pelo pouco que custa. A mensagem que eu quero passar é que vocês devem pesquisar bastante antes de comprar qualquer equipamento fotográfico”, conclui Jordy.

E você, concorda com a opinião do autor? Qual a sua experiência com a famosa cinquentinha?

Sobre o autor

Alcides Mafra

Alcides Mafra

Jornalista e colaborador do iPhoto Channel (alcidesmafra@iphotochannel.com.br)

15 comentários

Clique aqui para postar um comentário

  • Yessssss! Finalmente uma matéria que desmitifica a 50mm. Excelente opção de lente, mas limitada para algun,s tipos de trabalho. Quando falam desta lente nos posts, tratam a mesma como se fosse inaceitável não temos umae nosso kit.

  • Eu não concordo nem um pouco, porque não se trata de “defeitos da lente” e sim de que para quê ela foi desenvolvida, primeiramente o iniciante deve procurar aprender mais antes de sair comprando lente sem nem saber a diferença entre uma lente tele e uma fixa. Para mim a 50mm é perfeita para o que ela foi desenvolvida, principalmente pelo custo.

  • Acho que esses são bons motivos porque um iniciante nao precisa de uma 50 mm! Não vejo nenhuma desvantagem da lente em si… Talvez o nome da matéria devesse ser “6 razões porque VOCÊ não precisa de uma cinquentinha”

  • pra mim é uma ótima lente, fiz uma fotografia com boa profundidade de campo com 50mm 1.4 mas estava a uns 100 metros do casal, ponto de foco único para ter certeza do foco ai só fotografar. só precisa saber hora certa de usar, fotografei 1 ano com 35mm 1.8 era única lente que tinha foi a época que fiz boas fotografias com nitidez, ruim era hora da família mas agenda da um jeitinho e coloca todos aperta daqui aperta dela rsrs ai vai caber.

  • pow fiz umas fotos com a 50mm no reveillon de 2016 e adorei fiz clikes ótimos concordo com o autor o fato de usar outras aberturas da lente 1.8 serve para ocasiões específicas mais utilizar as aberturas 2.8 2.0 3.6 4.0 com a 50mm as vezes vc consegui mais nitidez, nem sempre o desfoque é o que valoriza uma fotografia, as vezes um bom motivo e sua criatividade vale muito mais… parabéns pelo texto muito legal uso a 50mm 1.8 canom e estou juntando um dim dim pra partir pra uma 1.4 valeu…

  • As questões levantadas são muito mais falta de conhecimento do que problemas com a lente.
    Todo fotógrafo deve conhecer o seu equipamento.
    Quem compra uma 50mm sabe que ela é uma lente fixa em 50mm.
    A questão do foco com uma abertura em 1.8 é comum a todas as lentes nesta abertura.
    Cada lente tem a sua restrição, distância focal, abertura ou peso

  • Entendo que o autor pretendeu destacar as expectativas mais corriqueiras dos novatos, já que é muito comum a ideia e que a 50mm seja “pau-pra-toda-obra” e a coisa não é bem assim. Uma 50mm faz o trivial: bons retratos, o cachorro da titia, aquelas rosas, fotos de gastronomia, etc. E por ser bem versátil, com a ajuda de lentes close-up, ou tubos de aproximação, consegue boas fotos de insetos… Apenas um pitaco para o Marcus: antes de comprar a 50, 1,4, faça algumas fotos e compare com a 1,8 e verá que a diferença é tão pequena que talvez não valha a despesa…

  • Achei interessante o artigo, ainda mais por ter desejado uma 50 mm com grande abertura por muito tempo, e eventualmente achei uma que servisse na minha câmera na época (uma Olympus com sensor 4/3). Quando consegui, comprei uma Zuiko mecânica, e devo dizer que a primeira impressão é de que tinha que reaprender a fotografar, pois uma lente tão luminosa provoca uma experiência muito diferente da que estamos acostumados com lentes de kits, com aberturas de F:3.5 ou mais escuras. Mas de fato não é tão versátil assim (ainda mais no meu caso, em que o comprimento focal equivalente é o dobro de uma full frame), ela tem lá suas características específicas que fazem com que o uso seja bem limitado, no meu caso.
    Hoje, estou com uma câmera Nikon, e cobiçando uma 35 ou 50 mm F:1.8, quem sabe num futuro próximo eu adquira uma (mas ainda tenho a Olympus com a 1.4, vai que a ocasião certa aparece…).

  • Obrigado pelos comentários, realmente talvez a escolha do título (por minha parte) não tenha sido das mais felizes mas percebo que quem realmente entende do assunto conseguiu compreender o que eu quis dizer no artigo. Diferente dos comentários no facebook, nossa, quanta falta de educação. Quanta necessidade de ofender gratuitamente rsrs.

    E obrigado ao Alcides pela citação ao blog e ao autor, muitas pessoas já copiaram artigos meus e não fazem uma citação sequer, aqui no mesmo no iPhoto já aconteceu.

    • Oi Rodrigo!

      Obrigada pelo comentário e visita :)! Realmente, os comentários do Facebook são um pouco fora de contexto e agressivos; é muito provável que nem mesmo abriram a matéria. MUITO provável mesmo, porque quem leu gostou e comentou positivamente.

      Você comentou que há artigo aqui no iPhoto Channel com dica sua e sem referência. Poderia nos assinalar quais? Pode enviar para jornalismo@iphotoeditora.com.br e corrigiremos esse erro.

      Obrigada!
      Abraço,
      Ruca