Tendência

Documentário retrata a vida de um dos maiores fotógrafos do século XX, Henri Cartier-Bresson

O documentário “Henri Cartier-Bresson – só amor”, dirigido pelo cineasta Raphael O’Byrne mostra de uma maneira cômica e surpreendente a trajetória daquele que é considerado por muitos o “pai da fotografia” e um dos maiores fotógrafos do século XX.

O documentário exibe momentos importantes da vida de Bresson: sua primeira câmera e a criação da agência de fotografia Magnum. No filme também são mostrados os fotógrafos e artistas que Bresson se inspirou como Martin Munkacsi e Klavdij Sluban, além da influência de outras artes, como a pintura, o cinema e a música clássica. O mestre Henri Cartier-Bresson morreu em 2004 aos 95 anos de idade e dedicou sua vida para registrar o espaço e o tempo em preto e branco.

O documentário tem duração de 110 minutos, é legendado e é uma aula de fotografia e cultura de um dos maiores artistas de todos os tempos.

Talvez a fotografia não seria o que é hoje se Henri Cartier-Bresson não a tivesse adotado como um hobbie – e depois como um estilo de vida. O francês, filho de uma família classe média, teve contato com a arte desde cedo, ganhou sua primeira câmera Box Brownie ainda quando criança. Bresson estudou artes em Paris; a pintura e o desenho fizeram parte do seu universo.

Documentário retrata a vida de um dos maiores fotógrafos do século XX, Henri Cartier-Bresson

Suas fotografias traduzem o estilo estudado ao longo dos anos, baseado na geometria. A ideia  filosófica sobre fotografia desenvolveu-se ao longo dos anos com a prática e dedicação. A contribuição de Bresson com a fotografia é extremamente importante, além de ser considerado o pai do fotojornalismo é também o autor da teoria Instante Decisivo, que explana sobre o momento exato em que uma fotografia é realizada. Hoje sua teoria é muito estudada e respeitada pelos fotógrafos.

Documentário retrata a vida de um dos maiores fotógrafos do século XX, Henri Cartier-Bresson
Foto de Cartier Bresson, considerado um dos maiores fotógrafos do século

Junto de  Bill Vandivert, Robert Capa, George Rodger e David Seymour criou a agência Magnum, considerada uma das mais importantes na fotografia. É nesse período que suas fotografias passam a se tornar “sofisticadas” e grandes revistas como Life, Vogue e Harper’s Bazaar lhe pedem registros únicos pelo mundo. Em sua carreira, Bresson teve a sorte e o privilégio de registrar momentos importantes do mundo como a vida na União Soviética e os últimos dias de Gandhi.

Documentário retrata a vida de um dos maiores fotógrafos do século XX, Henri Cartier-Bresson
Henry Cartier-Bresson
Documentário retrata a vida de um dos maiores fotógrafos do século XX, Henri Cartier-Bresson
Henry Cartier-Bresson
Documentário retrata a vida de um dos maiores fotógrafos do século XX, Henri Cartier-Bresson
Henry Cartier-Bresson
Henry Cartier-Bresson
Henry Cartier-Bresson

Artigos relacionados

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *