Tendência

Você pode ser preso se levar ou olhar fotos de câmeras antigas durante voo de avião

Recentemente, muitas coisas estranhas e, às vezes, absurdas estão acontecendo no mundo da fotografia. Depois de uma fotógrafa apagar todas as fotos do casamento porque o noivo não a deixou fazer uma pausa para comer e beber água, agora um passageiro foi preso porque estava manuseando uma câmera vintage e vendo fotos de câmeras antigas durante um voo.

A confusão aconteceu durante o voo 4817, da American Airlines, no último sábado (11 de outubro), que tinha decolado da cidade de Indianápolis, nos Estados Unidos. No meio do voo, uma mulher avisou a tripulação de que um passageiro, que estava próximo do seu assento, estava vendo fotos e vídeos de bombas e estava mexendo em botões de um estranho artefato. Segundo relatado pelo New York Times, a mulher acreditou que o homem estava se preparando para cometer um ato terrorista durante o voo.

Foto: Reuters

Diante da denuncia, o avião fez um pouso de emergência no aeroporto de LaGuardia, em Nova York, e o suspeito foi retirado do voo e foi preso na pista por agentes do FBI e policiais da Autoridade Portuária. Porém, tudo não passou de um grande equívoco.

Na realidade, o passageiro estava apenas vendo fotos e vídeos de câmeras antigas e estava mexendo nas configurações de uma câmera vintage que levou consigo durante o voo. Porém, a mulher se apavorou depois que o passageiro pegou o “estranho artefato” e começou a mexer em suas regulagens. Ela pensou que ele estava ajustando o cronômetro do detonador de uma bomba.

Você pode ser preso se levar ou olhar fotos de câmeras antigas (vintage) durante voo de avião

O suspeito de terrorismo, que na verdade era um apaixonado colecionador de câmeras vintage, foi forçado a deitar-se no chão e foi minuciosamente revistado pelo FBI. Suas malas também foram revistadas e os policiais encontraram apenas outras câmeras vintage. Veja abaixo dois vídeos que mostram o suspeito sendo detido na pista do aeroporto, a evacuação e medo dos outros passageiros ao sair do avião:

Depois de ficar detido por várias horas pelos policiais da Autoridade Portuária e agentes federais, o apaixonado por câmeras vintage finalmente liberado e inocentado de qualquer irregularidade. Nem o modelo da câmera vintage com aparência de bomba, nem a identidade do homem foram divulgadas pelas autoridades e ele ainda não se pronunciou publicamente sobre o infeliz incidente.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *