Tendência

Roubo de encomenda: fotógrafos compram câmera de US$ 7.000 e recebem apenas caixas vazias

O casal de fotógrafos Bill e Kelly Chiles, do estado do Colorado, nos Estados Unidos, recentemente compraram uma câmera Sony Alpha 1 por mais de US$ 7.000 de uma empresa afiliada do site da Amazon. Depois de algumas semanas aguardando, ansiosamente, a chegada da nova câmera, eles tiveram uma surpresa muito desagradável. Ao abrir o pacote da encomenda, eles encontraram dentro da embalagem apenas as caixas vazias da câmera. E aqui no Brasil, se acontece um roubo de encomenda nos Correios, o que fazer? Bem, primeiro vamos entender o caso de Bill e Kelly.

Roubo de encomenda

Em entrevista para ao site The Denver Channel , Bill e Kelly Chiles disseram que encomendaram a nova câmera porque acreditavam que com mais resolução e velocidade de captura poderiam melhorar ainda mais os resultados de seus negócios na fotografia de casamento e fotografia de formatura. Os fotógrafos esperaram quase dois meses após a compra para a câmera ser enviada por causa da escassez mundial de microchips e o consequente atraso na fabricação. E quando a encomenda chegou, Bill encontrou apenas duas caixas de câmeras absolutamente vazias. Então, o fotógrafo entrou em contato com um representante da Amazon explicando o caso, e para sua supresa, a empresa se negou a reembolsá-lo.

O casal de fotógrafos disseram que possuem provas de que o pacote não foi entregue corretamente. Eles afirmam que alguém roubou a sua câmera e mais outra durante o fluxo de envio e entrega porque dentro do pacote havia duas caixas vazias. Bill também disse que viu câmeras Alpha 1 sendo vendidas por muito menos do que o preço normal, em sites com equipamentos usados ou de segunda mão, na região onde mora. E isso aumentam suas suspeitas do roubo da sua câmera de forma intencional e organizado por criminosos, que posteriormente, colocam os equipamentos à venda na internet, como relatamos recentemente aqui no iPhoto Channel.

Com a recusa do reembolso, Bill e sua esposa mandaram um email diretamente para Jeff Bezos, dono e fundador da Amazon. Alguns dias depois ele recebeu uma resposta dizendo que a empresa assumiria a responsabilidade pelo sumiço da câmera e faria o reembolso integral do dinheiro investido na compra.

Encomenda roubada nos Correios: o que fazer?

O roubo de encomendas é terrível não só para os clientes, mas também para os comerciantes, principalmente, lojas online, que contratam os os Correios para fazer a entrega. Infelizmente, o roubo de encomendas acontece com muita frequência. Mas como isso acontece? Normalmente, os carteiros ou carros da estatal podem ser assaltados durante o processo de entrega ou, ainda, os próprios funcionários praticam o roubo das mercadorias.

De quem é a responsabilidade pelo reembolso de uma encomenda roubada?

Não há nenhuma dúvida que a responsabilidade é totalmente do lojista. Se o produto encomendado pelo cliente não chegar a sua casa, o lojista é o único responsável por reembolsar o consumidor. Posteriormente, o lojista pode entrar com uma manifestação junto ao Correios para saber o que aconteceu com a encomenda ou dar entrada a um processo de indenização.

Caso o lojista não queira se responsabilizar, o famoso “tirar o corpo fora”, você deve procurar uma unidade do Procon ou até um Juizado de Pequenas Causas para tentar recuperar todo o seu dinheiro. Para ações com valor de até 20 salários mínimos, não é preciso representação de advogados no Juizado de Pequenas Causas. Ou seja, se você for a pessoa responsável pela ação, pode acionar o JEC sem assessoria advocatícia; Se a causa tem valor entre 20 e 40 salários mínimos, será necessária a assistência de um profissional de advocacia.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *