Mario Tama mostra lado menos festivo da Copa

Rio Favela Overlooks Maracana World Cup Stadium
Menino procura por uma pipa caída no morro da Mangueira, com a imagem do Maracanã ao fundo

Um pouco antes de a bola rolar nos gramados dos dispendiosos estádios brasileiros, o fotógrafo da Getty Images Mario Tama realizou uma série de imagens do Rio de Janeiro que impõe um flagrante contraponto à propaganda ufanista que tem dominado o noticiário nestes dias de Copa.

Five Percent Favela Reduction Plan Upends Rio CommunitiesO fotógrafo visitou as favelas cariocas – de cuja vista é possível abarcar facilmente o “templo do futebol”, o Maracanã – e registrou os graves problemas que a população da periferia enfrenta cotidianamente, como a pobreza, a infraestrutura precária, violência e a recente remoção de barracos por conta das obras do mundial.

Seu trabalho foi publicado no site da revista Time e ganhou destaque em outros meios internacionais, municiando as críticas à Fifa e ao seu discurso de que os jogos deixarão um legado positivo no país.

A crônica visual do fotógrafo sugere, no entanto, que tudo ficará exatamente como está, para a maioria da população, após o apito final. Um pouco pior, talvez.

Como lembrou Eugene Reznik, no site Animal, a economia sul-africana ainda não viu a cor dos 3,9 bilhões de dólares investidos na última edição do torneio. E foram “só” 3,9 bilhões…

Para ver mais fotos do trabalho, clique aqui.

photoshop

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *