Editora Abril anuncia o fim da Playboy no Brasil

Receber a notícia de que esta revista, que foi um marco na fotografia brasileira, chega ao seu fim é nada menos que chocante. E é isso mesmo. Depois da notícia de que a Playboy americana não publicará mais nudez a partir de 2016, a Editora Abril, responsável pela publicação da Playboy no Brasil, acaba de anunciar o fim da revista. Pelo menos nas mãos da Abril.

iphotochannel-playboy-acabou

A última edição da revista Playboy virá às bancas em dezembro de 2015. A abril decidiu priorizar a VIP, revista própria da empresa que já não publica nudez. “É realmente o fim de uma era. A Playboy foi a grande responsável por tirar a roupa de grandes atrizes da Globo, sempre muito bem quistas pelo público, e de tantas outras modelos, esportistas (…). Não apenas isso: manteve por muito tempo o hábito de entrevistar gente relevante, boas colunas, cartunistas”, comentou o jornalista Luiz Yassuda em uma matéria no B9.

E não é só a Playboy. que está há 40 anos no Brasil, que vai acabar. De acordo com o G1, as revistas  Men’s Health, Women’s Health também deixarão de ser publicadas. Para os assinantes fiéis destas revistas, assim como da Playboy, a Abril oferecerá a opção de escolher outro título para continuar a assinatura com a editora.

Shutter Stock Shutter Stock

iphotochannel-playboy-acabou

De acordo com a Abril, os títulos sairão de circulação para dar “continuidade à estratégia de reposicionar-se focando e dirigindo seus esforços e investimentos às necessidades dos leitores e do mercado. Mas ainda há esperanças para os fãs da Playboy. Segundo a Folha de São Paulo, já existem negociações entre a Playboy Enterprises, que controla os direitos autorais da franquia, e outra editora brasileira para a continuação da publicação da revista por aqui. Agora é esperar para ver.

rodape-sensual

Artigos relacionados