4 técnicas para separar e destacar as pessoas no primeiro plano das fotos

O fotógrafo Kebs Cayabyab compartilhou 4 técnicas fantásticas para separar o assunto em primeiro plano, geralmente pessoas, do segundo plano. A forma mais clássica de fazer isso sempre foi desfocar o segundo plano usando uma pequena profundidade de campo. “Antigamente para mim, uma boa foto significava ter um fundo desfocado, mas sabemos que nem sempre isso é verdade. Sempre contar com o desfoque dos fundos pode limitar muito às nossas composições”, disse Kebs. Mas como destacar as pessoas em primeiro plano do fundo das fotos? Veja as 4 dicas super eficientes que Kebs revelou:

1. Luz

Podemos usar o contraste para conduzir os olhos do observador pela imagem. Podemos ter o assunto bem iluminado enquanto o fundo está subexposto.

Como alternativa, podemos ter um fundo bem iluminado e um assunto subexposto.


2. Cores

Podemos utilizar harmonia de cores. As cores brilhantes se destacam das cores suaves.

Pense em cores complementares. Os assuntos que vestem vermelho se destacam das plantas verdes.

3. Desfoque de movimento

Podemos usar o desfoque de movimento para transmitir que o assunto está se movendo. Conseguimos o desfoque de movimento ao arrastar o obturador para desfocar o fundo enquanto mantemos um foco relativamente nítido no assunto.

Outra forma de obter o desfoque de movimento é ter um fundo em movimento e um assunto parado, como uma pessoa na frente de um trem.

4. Subframing e camadas

Subframing é quando um elemento da foto emoldura outro elemento. O subframe adiciona foco ao elemento dentro dele.

A estratificação está utilizando ‘camadas’ – o primeiro plano, o assunto e o fundo. Usamos diferentes elementos para direcionar a atenção do espectador enquanto ele olha para um elemento e pula para o próximo.

“Levei um tempo para aprender essas outras formas de separar o assunto do fundo, porque sempre optaria pelo bokeh. Agora, as outras opções funcionam melhor para mim na maioria dos casos. Só para ficar claro, não estou dizendo que você não deve usar profundidade de campo pequena. Use o que você acha que funciona melhor para o que você está tentando alcançar. Mas se você está atualmente em um lugar onde eu estava, sempre atirando muito aberto, talvez seja hora de aprender algo novo. Talvez seja hora de aprender outras formas de fotografar”, sugeriu Kebs.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *