Tendência

Sebastião Salgado ganha prêmio internacional de arte e receberá premiação de R$ 720 mil

A semana tem sido de ótimas notícias para a fotografia brasileira. Depois do fotógrafo Ary Bassous ganhar um dos maiores concursos de fotografia do mundo, e levar um prêmio de US$ 120.000 (algo em torno de R$ 620 mil), agora foi a vez de Sebastião Salgado. O consagrado fotógrafo brasileiro ganhou o The Praemium Imperiale Award, um dos maiores prêmios de arte do mundo, e vai receber um prêmio de US$ 137.000, cerca de R$ 720 mil.

Sebastião Salgado foi indicado ao prêmio a partir de listas apresentadas por “consultores internacionais” de vários países. Depois de receber todos os nomes indicados, a Japan Art Association, organizadora do prêmio, reúne um comitê de especialistas em Tóquio para fazer a seleção final e escolher os vencedores. 

Sebastião Salgado ganha prêmio de arte e leva prêmio de R$ 720 mil
Sebastião Salgado |Foto: Fernando Frazão

A Japan Art Association descreve o trabalho de Sebastião Salgado como “um holofote sobre os despossuídos e explorados, a beleza da natureza e a fragilidade do mundo e de seus habitantes”.

Nascido em 8 de fevereiro de 1944, na cidade de Aimorés, Minas Gerais, Sebastião Salgado, 77 anos, é o mais importante fotógrafo brasileiro da história. Ao longo de 40 anos de carreira, ele já viajou por mais de 120 países e registrou em poderosas fotos em preto e branco o sofrimento, a miséria, as lutas e a realidade de vários povos e a beleza intocada da natureza em vários partes do mundo.

 “Mais do que nunca, sinto que a raça humana é somente uma. Há diferenças de cores, línguas, culturas e oportunidades, mas os sentimentos e reações das pessoas são semelhantes. Pessoas fogem das guerras para escapar da morte, migram para melhorar sua sorte, constroem novas vidas em terras estrangeiras, adaptam-se a situações extremas…”, disse Sebastião Salgado na introdução do seu livro Êxodos.

Documentário revela histórias e aprendizado fotográfico de Sebastião Salgado

Imagine que você está em uma reunião de família, daquelas onde o almoço vira café da tarde, até chegar na janta. Trocam-se os pratos e talheres, o café é passado algumas vezes e a prosa continua longa e envolvente. É assim que nos sentimos ao assistir o documentário “Revelando Sebastião Salgado”.

Salgado conta as aventuras de sua carreira e ao longo dessa conversa há muito o que se aprender sobre fotografia. “Eu adoro fotografar, eu adoro ter uma máquina no meu olho, a dinâmica que cria no meu quadro da fotografia, adoro encontrar soluções pra luz, encontrar soluções pra composição, encontrar todas as variáveis que entram no meu quadro fotográfico, nesse momento eu passo a viver de uma maneira muito forte a fotografia, e passo a ter um prazer muito grande com toda a dinâmica criada pela câmera fotográfica” diz o fotógrafo. Assista abaixo gratuitamente o documentário na íntegra:

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *