Ensaios com gestantes Produção de ensaios

Ensaio: maternidade embaixo d’água

Livros de fotografia

Singelo e suave, com um toque de inusitado. Fotografar uma gestante embaixo d’água remete um pouco àquela ligação que a criança no ventre da mãe experimenta, confinada em seu pequeno mundo de líquidos. Daí talvez o apelo que esse tipo de ensaio exerce, especialmente quando executado com delicadeza e refinamento.

Fernanda Petelinkar é uma fotógrafa de família que explora o segmento. “Explorar” talvez não seja o correto a dizer, pois ela não faz ensaios embaixo d’água com muita frequência. “Fiz umas três vezes só, por enquanto”, contou a paulistana. E não por questões de demanda, e sim para não banalizar algo que Fernanda considera muito marcante.

A fotografia de gestantes embaixo d’água surgiu para ela num momento em que buscava novas possibilidades. “Tinha visto algumas referências lindas na internet e resolvi arriscar”, diz.

Fernanda usa uma capa de látex para proteger a câmera enquanto mergulha. “Nunca tive problemas, mas nem todo mundo tem coragem de colocar seu equipamento embaixo d’água”, acredita. E isso nem é o mais complicado, pois, se o bebê no ventre materno está confortavelmente instalado, o mesmo não se pode dizer do fotógrafo fundeado na piscina:

“É difícil, sim [fotografar]! Porque é tanta coisa pra pensar! Afundar, não dá pra ver quase nada, não respirar, enquadrar, focar e não morrer afogada!”, brinca. “É sempre um desafio e só dá pra saber se saiu alguma coisa depois que a sessão acaba. Pelo menos, é divertido!”

Fora isso, ela explica que só dá para fazer esse ensaio no verão (“se a pessoa quiser e se a gente tiver uma piscina disponível”). Ou seja, são muitas as variáveis para que um mergulho assim possa sair. Porém, que sorte, estamos em pleno verão. E se você tiver alguma futura mamãe disposta e uma piscina à mão, por que não tentar?

Sobre o autor

Alcides Mafra

Jornalista e colaborador do iPhoto Channel (alcidesmafra@iphotochannel.com.br)

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário