iPhoto Editora

Semana da Fotografia 2015

Foto oficial da Semana da Fotografia em 2015
Livro de fotografia

Todos os anos nós realizamos diversos congressos, alguns itinerantes, outros fixos. Esse é o caso da Semana da Fotografia, que aconteceu durante os dias 23, 24 e 25 de março. Cada vez que finalizamos um evento, finalizamos uma etapa, e nos surge um orgulho e emoção de nós mesmos que só conseguimos perceber quando recebemos o feedback dos congressistas, que são quem nos motiva a continuar a cada edição, buscando o melhor.

Quem participou sabe o quão motivadores esses três dias foram. Além de buscar mais informações, aprimorar suas técnicas, você pode fazer novas amizades, contatos e ter lembranças incríveis! Eu não acredito na fotografia apenas como uma profissão. Quem resolve ser fotógrafo já tem a arte em suas veias, busca retratar a realidade, fazer algum tipo de protesto e eternizar momentos.

Abaixo você pode ver um resumo no vídeo que o cinegrafista russo Serguei Smirnov fez da Semana da Fotografia:

 

semana-da-fotografia-2015-foto-oficial

Desde fotografia Newborn à Marketing e Atendimento, 16 palestrantes compartilharam com os congressistas suas técnicas, dicas, ângulos, equipamentos, etc. Dos congressistas, não faltaram elogios “Superou todas as minhas expectativas, valeu a pena e como estou no primeiro ano na fotografia, posso dizer que já aprendi muito”, respondeu Natasha quando perguntei o que ela estava achando do Congresso.

“Eu estou apaixonada pelo evento, pela organização, por todo o conteúdo, todo aprendizado. Mas especialmente para mim, para o que eu gosto hoje, a palestra de Marketing, de Making of e Cerimônia foram excepcionais. Escrevi mais de uma folha e quero ver colocar isso tudo em prática agora. Maravilhoso”, disse outra congressista de Florianópolis.

O primeiro dia começou com a palestra de Newborn com a nossa global Gisele Fap, seguiu com Karim Scharf ensinando sobre ensaio de crianças e bebês, Marketing e atendimento de noivas com Renato dPaula, Os Segredos da Iluminação com Ivan Berger e finalizou com Caroline Martin e Giovani Cerutti mostrando a Arte de Fotografar Makinf of e cerimônias.

_MG_4511

Gisele Fap, que entrevistamos recentemente aqui, pôs em prática todo o seu amor por fotografar esses seres humanos minúsculos que precisam do triplo de cuidado, atenção e delicadeza. Ensinou alguma das poses mais “famosas”, como acalmar o bebê e fazê-lo dormir, a segurá-lo no colo e posicionar em puffs, gamelas e ninhos.

_MG_4859Dicas do Renato dPaula:

  1. Usar redes sociais
  2. Escolher fotos diferentes das tradicionais, a melhor e mais diferente que você tirou.
  3. No instagram, é melhor postar fotografias pessoais e de bastidores para sanar a curiosidade do cliente, que querem conhecer mais o fotógrafo que irá contratar.
  4. Na fotografia de casamento, o melhor é transmitir alguma lembrança, despertar algum sentimento no espectador, retratar momentos sinceros  que estejam acontecendo no momento.
  5. Uma boa curadoria é essencial para um bom portfólio e marketing profissional. A curadoria certa, combinada com uma música que seja harmônica com o que você está querendo passar, tem cerca de 70% de importância no seu trabalho.
  6. O material do seu portfólio precisa ser novo e não uma cópia do que você publica em suas redes sociais ou website.

_MG_5731Durante o evento também conversei com alguns palestrantes. A Roberta Biancalana, diz que não foi ela que escolheu a Fotografia escolar, foi ela que a escolheu. Ela fotografa cada criança uma a uma, utilizando equipamentos de estúdio na própria escola e faz todo o cenário para a fotografia.

Com amor e toda a dedicação e esforço que a fotógrafa coloca em seu trabalho, ela disse que houve uma situação em particular que a comoveu muito, e são esses momentos que a fazem se orgulhar de ser fotógrafa: “Tem um caso que lembro até hoje, já faz muito tempo, mas eu ainda fico emocionada. Eu fiz a fotografia de Natal da escola de um menino e a mãe dele me ligou pedindo para que eu fizesse uma foto da sua irmã em casa. Eu disse que não costumo fazer esse tipo de trabalho por que minha área é fotografia escolar, mas posso ver de voltar na escola e fazer uma sessão e você leva ela para tirar foto com o seu irmãozinho”. Foi então que a mãe disse que a filha dela não poderia ir até lá pois fica nos aparelhos 24 horas, ela nasceu prematura, com vários problemas, sem uma parte do cérebro, etc.

Biancalana prontamente decidiu ir mesmo assim, levou sua equipe, fez a foto e decidiu não cobrar nada. Alguns meses depois a menina veio a falecer, mas a gratidão da mãe e seu altruísmo fizeram com que ela nunca mais esquecesse desse momento e de fazer a fotografia para promover o bem.

11080943_827774280604324_599209619509757003_n

Karim Scharf é especialista em fotografia lifestyle de crianças e bebês. Na semana ela pôs em prática o que costuma fazer para seus clientes e deu ótimas dicas de escolha de local, processo criativo, etc.

11002703_827890003926085_6488769198428042569_o

Ivan Berger é focado 70% em fotografia de publicidade e 30% em moda e editorial. Ele usa uma Hasselblad com o back fase one p. 65 e tem em seu portfólio capas de revistas da Abril, outras australianas, gregas e também já fez trabalhos para a Maxim.

Em sua palestra, iniciou usando três sombrinhas para mostrar que não precisa de equipamentos muito caros para dominar a iluminação em estúdio, em entrevista exclusiva, ele diz que normalmente usa luz difusa sempre acompanhada de um contra luz duro.

_MG_5021

_MG_5053O casal Caroline Martins e Giovani Cerutti “armaram” um casamento de brincadeirinha e chamaram o público para participar. Entre as diversas dicas que deram, enfatizaram que a linguagem corporal é muito importante e que o marketing está dentro do casamento.

Eles acreditam que para dar certo esse tipo de fotografia, é muito importante saber se posicionar e trabalhar em duplicidade, ter uma equipe confiável e saber posicioná-los para não atrapalhar a cerimônia. Também é importante ficar atento ao enquadramento e a composição. “Eu acho que quando você consegue expressar o sentimento na foto é o que te faz crescer”, afirmam.

Eles também dizem que para fotografar o making of é sempre importante fazê-lo abaixado para ter uma visão interessante (e, novamente, não atrapalhar o cerimonial) e muito menos flash, no máximo ponto de luz.

_MG_5129

Everton Rosa deu um show ao fotografar os noivos na palestra de Ensaio de Noivos. Seus ensaios são fora do convencional e mostram a real expressão e o verdadeiro sentimento entre o casal. Ele acredita que a foto vai muito além da câmera, que envolve grande sensibilidade emocional.

_MG_5200

Kamila Quintella e Iwata Junior mostraram que não são só as magrinhas que tem vez no nu artístico. A dupla criou o projeto Sensualidade G (sensual pluz size) e mostrou na prática como as mulheres que “fogem do padrão” imposto pela mídia é tão lindo quanto os que possuem vários ossos e cinturas finas aparecendo.

_MG_5241

Ligiane Braga, fotógrafa circense, mostrou como controlar a luz em condições extremas. Já que sua especialidade é espetáculo, Ligiane diz que “o fotógrafo de espetáculos tem que fazer o registro sem mostrar tudo, para instigar a pessoa a ver mais, seduzir e não ir até o final, senão perde a graça”.

Ela também diz que saber controlar a luz é extremamente difícil porque normalmente em shows, teatros, etc. Tem toda uma equipe de iluminação e você não pode atrapalhar o que está acontecendo. Ela usa uma teleobjetiva com uma lente bem clara.

_MG_5326

Edson Beline, fotógrafo de casamentos, mostrou em sua palestra Como fotografar a noiva, que, durante a cerimônia é quem mais se destaca. Ele acredita que para fazer uma foto perfeita da noiva, você precisa pegar os detalhes, a expressão, o olhar. Quando a fotografia for mais próxima, deve mostrar detalhes como joias, maquiagem, cabelos e aspectos importantes para qualquer mulher.

_MG_5453

Rodrigo Vypich, um dos mais badalados fotógrafos atuais, ensinou a fazer book de mulheres e gestantes com um toque de moda e um diferencial que caracteriza suas fotografias: criatividade, moda e sensual, e iluminação.

_MG_5522

O terceiro dia inicIou com Vanessa Atalla montando uma praia no cenário do Teatro Cine Itália para fazer ensaios de família, sua especialização. Seus ensaios são descontraídos e com uma pegada lifestyle, nada de cenas posadas. O legal é deixar a criança solta e os pais à vontade para captar o mais genuíno do momento!

_MG_5617

A diagramadora de álbuns Beatriz Moraes deu várias dicas coringas para fazer um álbum perfeito. A responsável pelo BM Layout & Edição diz que é interessante ter cerca de quatro fotos por lâmina, evitar que a foto da capa tenha convidados ao fundo e que as fotos dos pais dos noivos devem ter o mesmo tamanho e ocupar o mesmo espaço da lâmina.

11051888_10203731217953088_421383606085788650_n

Por fim, o incrível Junior Luz finalizou o congresso dando um show de criatividade e mostrando que é possível fazer uma fotografia quase irreal com recursos viáveis e nada além de saber compor e usar a imaginação.

Nada disso teria acontecido senão fosse por vocês, congressistas, pelos nossos parceiros, apoiadores e equipe! Agradecemos de coração toda a atenção, o entusiasmo, a motivação e a presença!

Que venha o próximo, em 2016. Estaremos esperando vocês para mais um congresso incrível!

Sobre o autor

Suelen Figueiredo

Jornalista do iPhotoChannel. Contato: jornalismo@iphotoeditora.com.br

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário