Iluminação

Como funciona a criação da iluminação nos filmes da Pixar

Valente
Livro de fotografia

A magia do cinema é indiscutível e se para os adultos assistir um filme de boa qualidade já nos causa inúmeras sensações imagine para as crianças. O cinema é um dos mundos artísticos onde tudo é possível, e para reviver os clássicos que marcaram épocas a Disney e a Pixar estão há alguns anos trabalhando na melhora da qualidade de filmes como Rei Leão, Toy Story, Aladdin, Cinderela entre outros.

O Rei Leão

A concepção de uma animação pode parecer bem complicada, a quantidade de matemática, ciência e programação que há por trás dessa obra de arte é realmente imensa. E é isso o que a  diretora de fotografia da Pixar, Danielle Feinberg explica neste vídeo da TED Talks. Para fazer fotografia precisamos de luz, e a iluminação dentro de um mundo tridimensional é completamente diferente do modo como aplicamos na vida real. “Há um momento na iluminação que me faz cair de amores por ela. É quando vamos disto, para isso. É o momento quando todas as peças se encaixam” explica Feinberg.

Valente
Valente

A prova de que a iluminação faz toda a diferença na composição de uma imagem é o modo como a tratamos, em seu trabalho Feinberg teve que aprender como dominá-la e depois como aplicá-la da melhor maneira possível nas imagens animadas. “Aprendi a usar a luz para contar histórias, definir a hora do dia, criar o clima, guiar os olhos do público[…]” conta Feinberg.

Uma das partes mais interessantes desse vídeo é quando Feinberg explica sobre a iluminação criada para o filme “Procurando Nemo”. No primeiro momento podemos pensar que nunca havíamos reparado na quantidade de detalhes daquele filme e como realmente nos sentimos embaixo d’água com os personagens. Portanto se você ama filmes e fotografia, vale a pena conferir TED Talks de Danielle Feinberg e se transformar o que você entende de iluminação.

Procurando Nemo
Procurando Nemo

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário