Iluminação

7 tipos de iluminação para retratos

congresso de fotografia

Podemos considerar que os retratos sempre foram “os mais pedidos” da fotografia, e até mesmo desde antes da câmera nascer. A luz é primordial nos retratos, é ela quem vai trazer uma expressividade significativa e alcançar seu objetivo narrativo. A Mango Street preparou um vídeo com 7 tipos de luzes para se usar nos retratos.

1) Iluminação Borboleta

O nome se dá pelo fato de que essa luz vai criar uma sombra sob o nariz, bochecha e queixo do fotografado, portanto não mude-a de posição. Posicione a luz vindo de cima e apontando para a pessoa.

2) Iluminação de Loop

Nesta iluminação a sombra é mais acentuada. Faça que nem a iluminação borboleta posicione a luz vindo de cima e apontando para a pessoa e vira fonte de luz para esquerda ou direita, escolha o lado que achar melhor.  

3) Iluminação Rembrandt

Essa é uma das iluminações mais queridinhas e apresenta um ar de dramaticidade maior a fotografia. Perceba que a sombra do nariz se conecta com a bochecha, e forma um triângulo abaixo do olho menos iluminado. Posicione a fonte de luz como a do loop, vindo de cima, virando para esquerda ou direita, mas desta vez com um ângulo maior.
Essa também pode ser chamada de iluminação 45º.

4) Iluminação dividida

Procura um ar misterioso para o seu retrato? Então pode aplicar essa iluminação. Aqui o spot de luz fica bem lateral do fotografado, deixando um lado bem iluminado e o outro praticamente nulo.

5) Iluminação do aro

Essa iluminação é a que vai separar o fundo e o fotografado. Para realizá-la posicione uma luz atrás da pessoa e incline para o topo da cabeça, mas atenção, essa fonte de luz precisa ser mais forte que o spot à frente.

6) Iluminação ampla

Aqui iremos destacar um lado do rosto, deixando o outro mais escuro. O modelo precisa dar uma leve afastada da luz e olhar para câmera. Essa luz vem de cima para baixo.

7) Iluminação Curta

A iluminação curta é como se estivéssemos movendo o spot de luz para o outro lado da pessoa fotografada. Deixando uma área maior de iluminação, e mais perto do assunto. Já não há tanta sombra como antes.

Fonte: Mango Street / Petapixel

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário















error: Content is protected !!