Fotojornalismo

Fotojornalista capta o momento em que um atirador abre fogo em Dallas

Livros de fotografia

Um fotojornalista passou por uma situação surreal na manhã de ontem. Um homem armado foi em frente a um prédio federal em Dallas e começou a atirar. Ele foi identificado como Brian Isaack Clyde, de 22 anos, enquanto isso Tom Fox, do Dallas Morning News estava na mesma quadra para cobrir um processo de fraude escolar.

Ele conta que estava “indo” quando o atirador chegou ao local; pela imagem podemos ver a posição dos dois, muito pertos. “Eu fiquei pensando: ‘Ele vai olhar para mim naquele canto e vai atirar. Eu apenas fiquei lá e rezei para que ele não passasse por mim. Porque se ele passar por mim e me ver, vai atirar em mim. Ele já pegou a arma” conta Fox ao Morning News.

Com um bom fotógrafo veterano Fox não pensou duas vezes e puxou a câmera. “Então eu puxei minha lente longa e vi alguém que eu percebi que era o atirador” explica Fox. “E eu penso: ‘Oh meu Deus’. Eu apertei algumas vezes o obturador quando peguei algo – um clipe, eu acho – e então eu me virei e corri” explica ele.

Fox passou entre os policiais e o atirador, e quando os policiais foram atrás de Clyde ele os seguiu e registrou o momento da captura. “Você usa a câmera quase como um escudo. Eu também senti um dever jornalístico de fazer tudo isso.” Tom Fox já foi ganhador de um Prêmio Pulitzer com o jornal de Breaking News Photography quando cobriu o furacão Katrina.

Fonte: PetaPixel

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário