Fotografia documental

Como fotografias da Grande Depressão eram censuradas

Livros de fotografia

Durante a Grande Depressão os Estados Unidos criou um organismo chamado Farm Security Administration que tinha como objetivo estimular as áreas agrícolas menos desenvolvidas. Esse período e esses lugares foram documentados ao longo dos anos por grandes fotógrafos como Dorothea Lange com a famosa fotografia  Migrant Mothers.

Mas algo realmente estranho acontecia com algumas imagens captadas na época. Elas eram censuradas e para que fossem marcadas como proibidas um buraco negro surgia em alguma parte da fotografia. Não são manchas, nem objetos, essa era a forma como o diretor do programa de fotografia documental da FSA, Roy Stryker usava para acabar com determinada imagem. 

Mas porque? Qual era o grande problema dessas fotografias? Atualmente as imagens parecem até poéticas quando contamos suas histórias e observamos o sol negro. Mas sabemos que de alguma maneira essas fotografias poderiam ser perigosas conforme a leitura que fosse realizada.

Fonte: Flashback

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário















error: Content is protected !!