Fotografia de alimentos

2 dicas importantes para fotografias alimentos

Livro de fotografia

Alguns pequenos truques podem fazer a diferença na fotografia, e para sabê-los é preciso de experiência. A fotógrafa de alimentos Joanie Simon, do The Bite Shot criou um vídeo onde apresenta duas dicas importantes para quem gosta de se aventurar nessa área da fotografia. 

1. Reflexos

Na fotografia de alimentos qualquer detalhe é extremamente importante. E uma das grandes dicas é evitar reflexos diretos. As vezes os reflexos em algum detalhe podem falar mais do que o necessário, por isso a importância de criá-los onde você quer dar destaque.

No vídeo a fotógrafa utiliza a aparência das azeitonas para explicar melhor essa questão. Além disso, o brilho pode vir não apenas da luz, mas de algo a mais adicionado a isso, o que podemos definir como “truques” dentro da fotografia de alimentos. No caso da fotografia de Joanie, ela usa azeite nas azeitonas, dando uma textura diferente.

2. Profundidade e iluminação

Criar profundidade na fotografia de alimentos pode ser uma boa saída na hora de criar as imagens. A queda de luz na cena pode ser criada em segundo plano, conhecido como Falloff, onde a luz passa do mais claro para o mais escuro em uma superfície específica. 

O alimento precisa estar afastado do pano de fundo para criar o efeito. Se você estiver usando luz artificial posicione a luz mais próxima dos alimentos e mais afastada do pano de fundo. Já com a luz natural utilize uma cortina preta para impedir que alguma luz caia no pano de fundo.

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário