Exposição Fotografia documental

Fotografia e ativismo marcam exposição de Claudia Andujar

congresso de fotografia

O Instituto Moreira Sales (IMS) de São Paulo apresenta a exposição A luta Yanomami, da fotógrafa Claudia Andujar. A retrospectiva das obras são dedicadas aos indígenas ameaçados de extinção da tribo Yanomami. Com entrada gratuita a exposição ocorre até o dia 7 de abril.

Foto: Claudia Andujar

São aproximadamente 300 imagens, livros, documentos inéditos e uma instalação que trabalham a trajetória do povo indígena Yanomami pela busca da sobrevivência. Nesta extensa pesquisa o lado militante de Andujar se faz presente nesta luta por meio de sua arte entrelaçada à política.

Foto: Claudia Andujar

O atual momento político é delicado, a atribuição de demarcação de terras indígenas e quilombolas foi transferida para o Ministério da Agricultura, a extensão de terras para índios e descendentes de escravos, que é por lei assegurada no país, já foi criticada pelo atual presidente. Claudia Andujar, com 87 anos, teme pelo o que pode acontecer aos Yanomamis, conta o curador Thyago Nogueira.

Ao longo do período da exposição outras atividades ocorrem como uma visita guiada com o curador, cursos e rodas de conversa. Saiba mais no site do Instituto Moreira Sales. A exposição foi realizada com o apoio e consultoria do Instituto Socioambiental (ISA) e colaboração da Hutukara Associação Yanomami (HAY).

Foto: Claudia Andujar
Foto: Claudia Andujar
Foto: Claudia Andujar

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário















error: Content is protected !!