Direito Autoral

R$ 2 milhões: este é o valor que Grumpy Cat ganhou em ação de direito autoral

Foto: WireImage/Grenade

A dona da Grumpy Cat, gata mal-humorada cujas fotos foram amplamente utilizadas em memes, ganhou um processo por violação de direitos autorais no valor de US$ 710 mil (mais de R$ 2 milhões). A empresa Grumpy Cat Limited, que cuida dos produtos licenciados do animal, processou os donos da empresa americana de café Grenade por violar um acordo sobre o uso da marca em seus produtos.

A gata, cujo nome verdadeiro é Tardar Sauce, possui uma expressão rabugenta causada por nanismo felino e prognatismo, quando o maxilar inferior se projeta para a frente, e tornou-se famosa por volta de 2012 quando fotos dela foram publicadas online. As pessoas logo começaram a colocar texto humorístico na imagem, fazendo com que a fama de Sauce crescesse ainda mais.

Segundo o site Courthouse News, em 2013 uma dupla de pai e filho (Nick e Paul Sandford) fecharam um acordo com a dona da Grumpy Cat, Tabatha Bundesen, para usar sua aparência na marca de uma nova empresa de bebidas. Em troca de US$ 150 mil em royalties, os Sandfords receberam permissão para usar a imagem da gata e o nome em uma linha de café gelado chamado “Grumpy Cat Grumppuccino”.

Porém, a rede de cafeterias passou a usar a marca também na venda de café moído, enquanto só tinha permissão de usar a imagem da gata para vender a bebida. A Grumpy Cat Limited processou os donos da empresa Grenade por violar um acordo sobre seus direitos autorais e um júri de 8 membros em Santa Ana, Califórnia, determinou na última semana que a violação realmente ocorreu.

Sobre o autor

Cid Costa Neto

Cid Costa Neto

Cid Costa Neto é natural de Belo Horizonte, é bacharel em Artes Plásticas com habilitação em Fotografia e pós-graduando em Jornalismo Digital. Atua como Fotógrafo, Professor e Programador Visual.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário