Curiosidades

Explosão vulcânica é captada do espaço com uma Nikon D5

Livro de fotografia

Imagine que você está em uma missão espacial e quando olha pela janela encontra uma grande fumaça subindo da terra e formando uma camada densa na atmosfera. Você provavelmente terá recebido um aviso sobre o ocorrido, mas mesmo assim ficaria de boca aberta. Foi isso que aconteceu quando o vulcão Raikoke entrou em ativação.

Em 2017 a NASA encomendou 53 DSLRs da Nikon D5, e dez delas chegaram a estação espacial meses depois, a imagem foi captada com a DSLR. Localizado nas Ilhas Kuril, na Rússia, o vulcão entrou em erupção no último fim de semana, que acabou por produzir uma enorme nuvem de cinzas e gás, uma cena incrível. Mas como a sincronia do universo é perfeita, astronautas que estavam a bordo de uma Estação Espacial Internacional captaram o momento em que a grande bola de gás pairou no ar. A última erupção do vulcão havia sido em 1924 e 1778.

Em comunicado oficial a NASA conta sobre o ocorrido. “Na manhã de 22 de junho, os astronautas dispararam uma fotografia da pluma vulcânica subindo em uma coluna estreita e, em seguida, espalhando-se em uma parte da pluma conhecida como a região do guarda-chuva”, comunica a NASA. “Essa é a área onde a densidade da pluma e o ar circundante se igualam e a pluma para de subir. O anel de nuvens na base da coluna parece ser vapor d’água” conclui.

Fonte: NASA

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário