Curiosidades Fotografia Analógica

Como o filme fotográfico é processado em um laboratório

congresso de fotografia

Recentemente, o fotógrafo Jay P. Morgan, do canal The Slanted Lens, fez uma visita ao Richard Photo Lab, laboratório em Valência, nos Estados Unidos, para conhecer os bastidores do processamento de filmes fotográficos. O vídeo mostra os estágios da revelação, assista abaixo:

O primeiro passo é receber os pacotes que contêm rolos de filme e processar as encomendas. Quando chega a hora de revelar, o filme é então dividido entre colorido e preto e branco – há uma câmara escura diferente para cada um. O filme é então preparado e organizado em prateleiras.

Uma vez que o filme é organizado, ele está pronto para ser revelado através do processo ‘Dip & Dunk’, que mergulha o filme sem que a sua superfície receba qualquer contato além do produto de revelação. Uma vez mergulhado, o filme é pendurado em um rack para ser inspecionado pela equipe.

O processo de revelação e secagem leva geralmente cerca de uma hora. Após o processo de imersão, o filme é então inspecionado e digitalizado através de um scanner. Após a digitalização, as impressões são cortadas à mão pela equipe e, em seguida, enviadas de volta ao cliente.

Sobre o autor

Cid Costa Neto

Cid Costa Neto

Cid Costa Neto é natural de Belo Horizonte, é bacharel em Artes Plásticas com habilitação em Fotografia e pós-graduando em Jornalismo Digital. Atua como Fotógrafo, Professor e Programador Visual.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

  • Nós do Canal Câmera velha também fizemos uma visita a um minilab para mostrar esse processo o video está no canal















error: Content is protected !!