Concurso de Fotografia

Brasileira vence concurso internacional de fotografia científica

A cientista brasileira Diana Prado Lops Aude Craik

Fotografia científica é um ramo onde não só fotógrafos, mas principalmente cientistas criam imagens incríveis em escala macro e microscópica. No caso da cientista brasileira Diana Prado Lopes Aude Craik, 28 anos, a fotografia produzida mostra um chip desenvolvido por ela e um colega como parte de uma pesquisa sobre o desenvolvimento da computação quântica com íons.

Diana Prado Lopes Aude Craik estudou física no MIT e faz doutorado em física quântica na Universidade de Oxford. “Marie Curie, Emmy Noether, Rosalind Franklin… São muitos os exemplos de mulheres que revolucionaram a ciência, mesmo sendo minoria dentre pesquisadores nesta área. Desde pequena, fui inspirada pelos meus pais. Assistia à minha mãe, uma mulher forte e competente, fazendo pesquisa inovadora. Tanto ela quanto meu pai sempre me encorajaram na ciência. Eles me faziam sentir que eu poderia fazer tudo o que quisesse”, disse à BBC Brasil.

iphotochannel-fotografia-cientifica-diana (1)
Foto: Diana Prado Lops Aude Craik/Universidade de Oxford

A foto foi criada com um microscópio de Oxford, na Inglaterra, e ganhou o prêmio do concurso britânico de fotografias científicas organizado pelo Engineering and Physical Sciences Research Council (EPSRC). Além de vencer a categoria Eureka, uma das 5 do prêmio, Diana também levou o prêmio geral.

Você pode saber mais sobre o invento e a cientista Diana Craik no site da BBC, fonte desta matéria.