Composição

Fotos em ângulos diferentes causam polêmica na reabertura do Beto Carrero World. Afinal, o parque estava lotado ou não?

Fotos em ângulos diferentes mostram realidades diferentes

Um dos assuntos mais comentados ontem e hoje no Twitter é reabertura do parque Beto Carrero World, em Santa Catarina. As postagens mostram duas fotos (veja abaixo) de uma arquibancada do parque completamente lotadas de visitantes com uma enorme aglomeração de pessoas, o que gerou revolta de internautas e milhares de comentários no Twitter.

Fotos postadas no Twitter mostram aglomeração de pessoas

Mas será mesmo que o parque estava lotado como mostram as fotos? Será que houve aglomeração e a quebra dos protocolos de segurança contra o COVID-19 determinados pelo Governo do Estado e Secretaria de Saúde de Santa Catarina? Recentemente postamos duas matérias com exemplos sobre como fotos subjetivas podem manipular a realidade e como a mídia pode alterar a verdade com fotos feitas em duas perspectivas. E nesse caso, novamente, a perspectiva e ângulos das fotos modificam completamente a realidade dos fatos.

Logo após o assunto ser um dos mais comentados no país, o próprio perfil do Beto Carrero fez uma postagem com novas fotos mostrando uma realidade bem diferente. Nas fotos divulgadas pelo parque com um ângulo diferente não há a aglomeração que vemos nas outras imagens feitas num plano inferior. Nas fotos do parque também é possível notar que há, de maneira geral, o distanciamento social de 1 metro ou mais entre os visitantes sentados na arquibancada. Quando comparamos as fotos percebe-se que a perspectiva e o ângulo em que cada imagem é feita passa uma mensagem completamente diferente em relação a quantidade de pessoas e a proximidade entre elas.

Fotos divulgadas pelo Beto Carrero World em outro ângulo mostram que o parque não estava lotado e que havia muitas cadeiras vazias e um razoável distanciamento social

Essa diferença na realidade mostrada em fotos foi testada pelos fotógrafos Ólafur Steinar e Philip Davali, que fizeram a mesma imagem em duas perspectivas diferentes para mostrar como a realidade é subjetiva. Veja fotos abaixo:

Foto feita com uma teleobjetiva em plano frontal / Crédito: Ólafur Steinar e Philip Davali
Foto com uma lente normal em plano aberto feito lateralmente
Crédito: Ólafur Steinar e Philip Davali

“As medidas de segurança por aqui estão sendo seguidas à risca. As imagens que circulam precisam ser vistas de 2 ângulos. A arquibancada pode parecer cheia, mas na verdade os shows estão funcionando com apenas 30% da lotação. Prezamos por muita diversão com segurança!”, disse o parque no seu Twitter Oficial mostrando as fotos de um ângulo superior, que mostra cadeiras vazias e o respeito ao distanciamento social.

Analisando as fotos, em qual realidade você acredita? Deixe sua opinião nos comentários.