Composição

7 dicas para fotografar arquitetura

Livro de fotografia

A fotografia de arquitetura é o trabalho de muitos fotógrafos e o hobby de outros. Este tipo de fotografia acaba resultando de um pequeno passeio na cidade ou durante uma viagem. As dicas a seguir podem servir de exercício para os fotógrafos que pretendem praticar ou iniciar na fotografia de arquitetura.

1) Linhas sólidas

Na arquitetura é fácil identificarmos as linhas sólidas que são as linhas com maior destaque na imagem. A partir delas é possível criar composições que tornem a fotografia mais interessante. O importante é encontrar um ponto de partida e criar uma composição para a fotografia.

2) Olhe para cima

É comum nos depararmos com um local que nos chama atenção mas naquele momento algo não o favorece. Olhar para cima não é muito comum quando estamos na correria do dia a dia, mas o topo de casas e prédios podem gerar uma ótima composição fotográfica. Caso haja algo mais ao seu redor que possa compor a imagem não deixe de utilizá-lo.

3) Curvas

Na arquitetura moderna é muito comum encontrarmos curvas, tantos nas áreas externas quanto internas. Algum detalhe no teto, o corrimão ou as composições a entrada do local. Nesse caso você pode utilizá-las a seu favor de modo a acentuar o espaço na sua fotografia e captar o dinamismo oferecido por essas curvas.

4) Ângulos

Busque brincar com os grandes ângulos oferecidos pelas lentes para captar na fotografia o ambiente em sua totalidade. Alguns espaços são bonitos e desperdiçá-los não vale a pena. Por isso fotografá-los em sua forma completa pode ser uma boa solução.

5) Espaços negativos

Captar uma imagem com espaço negativo nem sempre é uma tarefa fácil. A composição precisa ser criativa caso contrário vai ser apenas a ponta de um edifício perdido no céu. Mas quando bem trabalhada a composição com espaço negativo deixa a fotografia de arquitetura mais interessante e bonita. Procure algo que posso compor a imagem, como a combinação das cores no céu com a arquitetura em questão, ou até mesmo a mescla de curvaturas.

6) Estampas e texturas

Vidros, água, fumaça, espelhos. Uma caminhada pela cidade e encontramos de tudo e uma boa observação pode nos mostrar todos os tipos de texturas e estampas. Um vidro que reflete as águas de um chafariz no centro da cidade, um prédio espelhado que cria texturas a partir da chuva que caiu. A observação vai te ajudar a encontrar esses detalhes nem sempre percebidos por todos.

7) Simetria

Talvez um dos tipos de fotografia de arquitetura que mais vemos por aí porém que nunca perde sua graça e charme. Fotografias simétricas podem se transformar em belas composições, há espaços incríveis na rua em que podemos encaixar perfeitamente no quadro fotográfico. Reparar nas linhas e curvas de um local pode te ajudar a criar uma composição mas nem toda simetria está na altura dos olhos, se você olhar um pouco acima encontrará um mundo novo.

Fonte: COOPH

Sobre o autor

Eliza Doré

Eliza Doré

Jornalista do iPhoto Channel é formada pela Univali em Comunicação social com ênfase em jornalismo e pós-graduada em Gestão Cultural, estudou fotografia documental em Buenos Aires.

Adicionar um comentário

Clique aqui para postar um comentário