Altair Hoppe Colunistas Técnica

Lightroom: tratamento criativo com o Split Toning

A imagem depois do Split Tonning
Livro de fotografia

Inovar. Sem dúvida, esse é um desafio diário para qualquer fotógrafo ou profissional de imagem. Através da inovação é possível ocupar espaços que concorrentes não ocupam ou diferenciar nossa marca e trabalho. Mesmo que a correria do dia a dia seja muito grande, e nem sempre permita uma sobra de tempo para estudar ou experimentar novas técnicas, precisamos fazer um esforço adicional para separar um período da semana ou do mês e buscar inovações na nossa linguagem.

Uma ida ao cinema, ao teatro, a leitura de uma revista ou o acesso a um site, blog ou rede social pode ser uma fonte de inspiração para perceber novas tendências ou uma oportunidade para adicionar novos elementos a sua fotografia. Afinal, ninguém, nem o seu cliente, quer ficar só no tradicional.

Uma técnica pouco explorada e com um apelo visual muito forte é a divisão de tons, mais conhecida como Split Toning / Tonalização Dividida. Com ela, aplicamos uma cor nos realces e outra nas áreas de sombras. Seria como criar uma imagem duotone, mas com a possibilidade de controlar a saturação e o equilíbrio entre as duas regiões. Adicionando mais essa linguagem ao nosso fluxo de tratamento, temos um leque bem amplo para não deixar nenhum trabalho monótono.

Só para lembrar, podemos converter a imagem para preto e branco, usando apenas tons de cinza. Também podemos criar uma foto em sépia, a partir de uma cor. E, agora, podemos trabalhar com a imagem em dois tons através do Split Toning e, finalmente, fazer o tratamento completamente em cores. Ficou inspirado em tentar algo novo? Mãos à obra! Vamos ver como funciona o Split Toning na prática.

Selecione uma imagem no Lightroom. Pode ser Raw ou JPEG. O Split Toning geralmente é aplicado em imagens em preto e branco, embora possa também ser usado em imagens coloridas. Nesta lição, observe que nossa imagem original é colorida (fig. 1).

Figura 1

O primeiro passo será convertê-la para P&B. Acesse o módulo HSL / Cor / P&B e clique sobre o comando P&B. Assim, automaticamente, sua imagem é convertida para preto e branco (fig.2).

Figura 2

Na caixa de diálogo do comando P&B, além da conversão automática, é possível ajustar a intensidade dos tons de cinza para mais ou menos contraste de forma personalizada. A seguir, clique no módulo Dividir Tonalização / Split Toning (fig. 3).

Figura 3

Observe que temos controles de cor e saturação tanto para os realces como para as sombras. Primeiro, vamos aplicar um tom nos Realces / Highlights. Inicialmente, mudamos o controle de Saturação / Saturation de 0 para 60 e depois alteramos o Matiz / Hue para um tom amarelado (68). Nas Sombras / Shadows selecionamos um tom azul com Matiz em 152 e Saturação em 57 (fig. 4).

Figura 4
Figura 5

Poderíamos manter a divisão igual entre as duas áreas, mas vamos deixar a imagem com um predomínio de amarelo. Arrastamos o controle do Equilíbrio / Balance para o lado direito, destacando um pouco mais o efeito dos realces (fig. 5).

Pronto, sua imagem está de roupa e linguagem nova. Para finalizar o tratamento, aplicamos um pouco mais de contraste e suavizamos a pele dos noivos pelo comando Claridade / Clarity, ambos comandos do módulo Básico / Basic. Também aplicamos uma vinheta pelo módulo Efeitos / Effects, para reduzir a importância dos elementos do segundo plano e aumentar a do primeiro plano. Veja abaixo o antes e o depois das imagens. Além de apresentar uma linguagem diferenciada, trabalhar com tratamentos além de cores e P&B ajuda a dar mais movimento, dinâmica e ritmo no álbum diagramado. Até a próxima!

A imagem antes do tratamento
A imagem depois do Split Toning

Sobre o autor

Altair Hoppe

Altair Hoppe

Altair Hoppe é diretor da iPhoto Editora. Jornalista, é autor da série best-seller dos livros Adobe Photoshop para Fotógrafos, Designers e Operadores Digitais - Volume 1, Volume 2, Volume 3, Volume 4 e do livro Fotografia Digital Sem Mistérios. Também é autor dos DVDs Photoshop Dicas & Truques – Vol. 1 e Vol. 2. É membro da National Association of Photoshop Professional – USA, ministra palestras e seminários para universidades e cursos "in company" por todo o país. É diretor da iPhoto Editora.

2 comentários

Clique aqui para postar um comentário