Após 60 anos, Prêmio Esso de Jornalismo “dá um tempo”

O prestigiado prêmio Esso de Jornalismo, que em 2015 completou 60 anos de existência ininterrupta e passou a se chamar Prêmio ExxonMobil de Jornalismo, cancelou sua edição de 2016.

Segundo noticiou a Folha de S. Paulo, a multinacional de petróleo e gás norte-americana ExxonMobil, patrocinadora do prêmio, creditou a pausa inédita a uma reavaliação no formato do concurso, visando “contemplar tanto as tradicionais quanto as novas formas em que a atividade vem sendo exercida no país”.

Em nota, a empresa estimou que mais 33 mil trabalhos jornalísticos tenham sido apreciados pelas comissões julgadoras do concurso, resultando em mais de mil trabalhos gráficos, reportagens e fotografias premiados, “laureando os melhores profissionais da imprensa brasileira”.

Não ficou claro se o prêmio deverá retornar em 2017 ou se a pausa tem relação com questões orçamentárias, destacou a reportagem, lembrando que em 2015 foram distribuídos R$ 123,2 mil em prêmios. Coube ao repórter fotográfico Dida Sampaio, do Estadão, o prêmio de fotografia desta última edição. Ele embolsou R$ 11 mil pela imagem vencedora.

Shutter Stock Shutter Stock

Artigos relacionados