Semana da fotografia

Semana da Fotografia: “é respirar e viver fotografia a cada momento”

Foto: Wagner Dias
Foto: Wagner Dias
Livro - Fotografia de Bebês

A Semana da Fotografia é o tipo de evento que você só entende sentindo na pele, estando lá. Pois não é apenas um congresso, ou apenas um encontro de fotógrafos; é respirar e viver fotografia a cada momento, transcendendo nossas expectativas e sentindo na pele a emoção que o ato de registrar a vida em imagens pode proporcionar.

Hoje trazemos um resumo dos assuntos tratados em cada palestra. Não queremos aqui fazer uma resenha crítica, mas mostrar um pouquinho do que cada palestrante trouxe para acrescentar ao nosso conhecimento fotográfico.

A Semana da Fotografia já começou com surpresa: o fotógrafo Junior Luz abriu o evento recebendo a galera com música, acompanhado da banda Páginas em Branco
A Semana da Fotografia já começou com surpresa: o fotógrafo Junior Luz abriu o evento recebendo a galera com música, acompanhado da banda Páginas em Branco
Altair Hoppe e Junior Luz no palco da Semana da Fotografia
Altair Hoppe e Junior Luz no palco da Semana da Fotografia

Aconselho também que você assista os vídeos que estão nesta matéria, produzidos ao vivo pelo videomaker Lenon Cesar, da iPhoto. Nos vídeos você pode ver um pouquinho das práticas ao vivo nas palestras. Também compartilhamos um registro criado pelo Smirnov Films e outro pelo canal Fotografia é o Meu Negócio, que tão lindamente mostram a delicia de participar da Semana da Fotografia, que ocorreu de 20 a 22/03 em Balneário Camboriú/SC. As fotos são de Wagner Dias.

Primeiro Dia

A primeiríssima palestra que abriu a Semana da Fotografia foi “Direção de noivos em casamento”, de Márcia Charnizon. A fotógrafa contou sobre sua experiência com teatro e como isso afeta até hoje sua direção na hora de fotografar, explicando desta forma o quanto qualquer elemento na produção fotográfica é muito pessoal.


Márcia contou como, em cada encontro, estabelece uma relação de afeto com o fotografado no sentido de afetar e ser afetada, uma troca. Que na sua fotografia entende que não é preciso criar personagens, pois cada um tem a persona que encarna em cada momento.

 “Eu não crio personagens, eles aparecem na minha frente”, contou Márcia Charznizon.

Explicou sobre as questões de espelhamento, para não deixar o fotografado com dúvidas em relação ao movimento, e que na hora de dirigir já inicia com o próprio movimento, para evitar o “fake” da foto posada,  também usando a brincadeira na hora da direção, pois o ato de brincar autoriza a experimentação do lúdico naquele momento.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (3)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (5)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (7)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (8)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (12)

 

Depois da fotografia com um tom de teatro, por Márcia Charnizon, o fotógrafo Juliano Coelho trouxe a palestra “A arte de retratar pessoas”, falando da fotografia como escrita, ou melhor, como poesia.

“Todos vocês são escritores, vocês escrevem com a luz”, sensibilizou o público.


Juliano explicou sobre como a fotografia é verbo, atitude, e o quanto é necessário que nela esteja implícita uma história. Falou também da atitude do próprio fotógrafo na hora de fotografar, que terá total influência no processo fotográfico. “Eu não posso ser inseguro, eu não posso ser frágil. Eu preciso ter a presença de palco no meu ensaio”, explicou.

Para Juliano Coelho, o mais importante é o processo, é como cada um chega na boa fotografia. “É isso que faz vocês únicos, como cada um chega lá. Vocês não são maquina de fotos. Não meçam o sucesso de vocês pelo resultado final”, concluindo que precisamos deixar nosso lado mais infantil fluir durante o ensaio e sensibilizar a outra pessoa.

“Enxergar é sentir com os olhos”, disse Juliano Coelho.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (16)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (20)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (22)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (23)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (24)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (25)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (26)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (28)

A terceira palestra do primeiro dia foi “Como fazer ensaios de noivos e casais”, com Américo Sperandio. Américo conquistou a plateia com seu jeito despojado, arrancando muitas risadas. Falou sobre a linguagem fotográfica e a importância de fazer diferente, de “sair da bolha social de referências daquilo que todo mundo faz”. Porém, em sincronia a isso, respeitar o desejo do cliente e não sermos apáticos como fotógrafos. “Pode ser clichê a foto de silhueta, mas pra noiva é uma foto muito bonita e é o que ela quer, então eu vou fazer”, comentou.

Américo Sperândio também falou da importância de consumir conteúdo visual de qualidade, para se estar preparado nas mais diversas ocasiões de iluminação. Como grande fonte de inspiração, ele indicou as pinturas clássicas, que trazem uma bagagem intensa de referências sobre iluminação.

 “O que vai fazer a sua fotografia é a conexão entre a luz, as suas referencias e o observador”, explicou Américo Sperandio.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (29)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (31)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (39)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (45)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (47)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (51)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (52)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (56)

Com a palestra “Marketing de conteúdo e resultados”, a fotógrafa e especialista em marketing Rafaela Zakarewicz trouxe um assunto super importante para a atualidade, de forma leve e descontraída. Falou para os fotógrafos sobre a importância de alinhar o marketing àquilo que eles trazem na fotografia, produzindo conteúdos que traduzam as emoções, sentimentos e intenções que desejam traduzir em suas imagens.

“A alegria do outro é fácil de você entender”, disse Rafaela sobre o marketing de significado.

Falou sobre a importância de buscar a essência daquilo que se acredita, qual o propósito de cada um, para então pensar no que trazer nas produções de marketing, no que quer se comunicar, assim despertando na pessoa o desejo de contratar aquele fotografo em especial.

Rafa também passou dicas práticas e ferramentas aos fotógrafos para dinamizarem sua comunicação na internet, assim como as melhores formas de se comunicar com o cliente por este meio.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (63)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (64)

A última atração fez o primeiro dia da Semana da Fotografia terminar em balada. Sim, é isso mesmo. O fotógrafo Andress Ribeiro, com a palestra “O uso criativo da luz em casamentos”, mostrou como fazer fotos incríveis no meio do caos que é a festa de casamento.

“Normalmente a gente tá fotografando e as pessoas estão dançando loucamente. E aí o fotógrafo chega, a pessoa olha e o que ela faz?”, contou Andress sobre o impulso de fazer pose quando as pessoas veem uma câmera.

O fotógrafo explicou formas de driblar isso, conseguindo fotos espontâneas e também como fotografar com a temida “fumaça do DJ”, conseguindo com o uso do flash imagens surpreendentes.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (65)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (66)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (67)

Segundo Dia

A primeira palestra do segundo dia trouxe os segredos da venda, ou como dizem por aí, o “pulo do gato” na hora de vender sua fotografia. O fotógrafo Edson Beline, com mais de 3 mil casamentos em seu currículo, trouxe a palestra “Técnicas de venda e atendimento” para abrir a manhã. Apesar de um assunto aparentemente denso, que costuma assustar, Beline partiu do cerne da questão, que é entender de pessoas, levando a linha de raciocinio de uma forma fluída.

“Entender de pessoas será a principal mudança. Torne-se um especialista em gente”, orientou.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (68)
O fotógrafo explicou como as pessoas gostam de se sentir recebendo um atendimento personalizado, voltado às características individuais de cada um, e o quanto isso é importante na hora da venda. E não só a venda presencial, mas também o atendimento individual e personalizado por e-mail. Além disso, a suma importância de ter uma apresentação organizada, limpa, tanto no seu escritório como você fotógrafo na forma de se vestir e se portar. “Você não vai ter uma segunda chance de criar uma boa primeira impressão”.

Altair Hoppe com Danilo Russo, autor do livro "Iluminação: teoria e prática"
Altair Hoppe com Danilo Russo, autor do livro “Iluminação: teoria e prática”

No intervalo, tivemos o lançamento da obra “Iluminação: teoria e prática”, do fotógrafo Danilo Russo, um livro fantástico, com esquemas de iluminação práticos, que está conquistando muitos fotógrafos em todo Brasil. Danilo presenteou o público com uma mini-palestra surpresa, ensinando formas práticas de iluminar, que também podem ser encontradas no livro.

A próxima palestra foi “Os segredos da fotografia de produtos”, do fotógrafo Diego Rousseaux, que mostrou a complexidade de pensamento e composição por trás de fotos que retratam coisas simples. O fotógrafo explicou que a fotografia de produto vale pelo que mostra, exatamente. Por isso, é um trabalho que exige um conhecimento profundo sobre a luz, para criar as emoções, climas, lugares e sensações.

“Quando você fotógrafa bem um produto você geralmente fotografa bem uma pessoa”, explicou.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (70)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (71)

Especificamente sobre a iluminação, orientou para que antes de pensar na luz, os fotógrafos imaginem qual a sombra que querem criar. Dessa forma, torna-se mais lógico a criação da iluminação na busca do desenho, da sombra desejada. Rousseaux falou também sobre a delícia de fotografar produtos, um tipo de fotografia que você pode fazer com tempo e em qualquer dia da semana, explorando os mínimos detalhes.

Anderson Marques veio compartilhar seu conhecimento sobre composição e experimentação fotográfica na palestra “Crie fotos de casamentos que impactam”. Premiado fotógrafo, ele deixou o público deslumbrado com as cores singulares de sua fotografia. E para além da fotografia, Marques também falou da importância de criar uma conexão com as pessoas, de interessar-se por elas.

“Enxergue além dos noivos, todas as pessoas que estão ali são importantes para o casal”, comentou sobre a fotografia de casamento.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (74)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (75)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (76)

Sobre o fazer fotográfico, explicou que não acredita em dom, mas sim em trabalho e dedicação, que são os verdadeiros ingredientes para se chegar a qualquer lugar. E nisso implica a dedicação em observar as cenas, de sentir e ver que “às vezes a melhor foto é a foto após o beijo, não o beijo de fato”. Na composição, Anderson Marques explicou a influência das cores e padrões, também a necessidade de olhar por outros ângulos, experimentar outros olhares do mesmo lugar e utilizar objetos inusitados para criar suas composições.

Para fechar o segundo dia, Simone Di Domenico trouxe a palestra “Direção, pose e iluminação em estúdio“. A fotógrafa trouxe ao público o conhecimento não só fotográfico, mas do que vem bem antes do clique: o estado de espírito, a importância de acreditar no próprio trabalho, de confiar em si mesmo e receber o cliente de coração aberto.

“O meu proposito é fotografar além do que os olhos podem ver, é buscar a essência da alma”, disse Simone Di Domenico

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (79)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (80)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (81)

Simone falou sobre a atemporalidade que gosta de trazer em suas fotos, e a necessidade de desejar sempre, antes de cada sessão, que naquele dia ela possa fazer a fotografia mais linda de sua vida até aquele momento. “Eu nunca sei exatamente o que vai acontecer. Cada pessoa é unica”. Falou também da direção, da técnica de rapport para criar uma sintonia com o cliente e deixar a direção mais leve.

Terceiro Dia

O terceiro e último dia começou com um assunto divertido, alegre; a palestra “Ensaios de família lifestyle” com Gisele Sauer. Um dos pontos essênciais durante a sessão, segundo a fotógrafa, é manter a conversação com os clientes, também contando as próprias histórias a eles se for preciso, criando uma conexão, mas especialmente perguntando sobre as histórias deles e ouvindo atentamente. Também na relação com o cliente, falou a importância de prometer prazos realistas, pois “um cliente insatisfeito vira dez”.

“Você não dá as pessoas a sua fotografia, você da a elas experiência”, orientou Gisele Sauer.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (82)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (83)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (84)

Gisele Sauer salientou a importância de estudar e conhecer a área na qual você quer fotografar, e as especificidades deste meio. Por exemplo, citou que quando resolveu fazer fotografia de família, buscou estudar o comportamento humano, pois se você conhece como as pessoas funcionam, saberá lidar melhor com seus clientes, deixá-los conectados e relaxados na sua presença. E na fotografia, a importância de conhecer qual o seu estilo, partindo de pontos, por exemplo, em qual tipo de luz você mais gosta de fotografar.

A segunda palestra do dia foi trazida por Danny Bittencourt, com “Como transformar sua fotografia em arte”, mostrando a fotografia para além do comercial, mais livre. Com seu discurso tranquilo e contínuo, Danny envolveu toda a plateia no tema. Começou contando um pouco de sua história, que começou na fotografia de casamento, mas sentia que aquilo não era seu ritmo, e foi então que conheceu a fotografia artística, entendendo que cada fotógrafo é diferente. Nem todos farão fotografia de casamento, assim como nem todos farão fotografia forense,explicou.

“Nunca mais somos os mesmos depois que uma fotografia nos atravessa”, disse Danny Bittencourt no vídeo que apresentou seu trabalho.

A fotógrafa abordou o tema da motivação, do “Por que você fotografa?”, chamando ao palco alguns participantes da Semana da Fotografia, que deram seus depoimentos respondendo à pergunta, alguns trazendo profundamente o significado da fotografia para si, arrancando lágrimas e aplausos da plateia.

Foto: Ruca Souza
Foto: Ruca Souza

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (85)

iphoto-semana-da-fotografia-danny (2)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (86)

Danny explicou a fotografia como forma de expressão a partir da intenção do fotógrafo, sendo essencial não somente a vontade de expressar, mas ter o que expressar. Em seguida apresentou quatro motivações expressivas – crítica, experiência, emocional e psicológica, gatilhos que podem ser usados para se descobrir o que se quer expressar artisticamente na fotografia.

A penúltima palestra da Semana da Fotografia trouxe um assunto que é uma pulga atrás da orelha de muitos fotógrafos. Com a temática “Gestão financeira: a receita para o sucesso na fotografia“, Rafael Schveitzer trouxe uma aula completa para que cada fotógrafo possa se autogerir, não cair nas armadilhas de culpar a crise econômica pela má gestão do dinheiro, proporcionando os mecanismos para tal.

“Saibam disso: conhecimento não é gasto, é investimento”, disse Rafael Schveitzer

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (88)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (89)

Schveitzer falou de um dos maiores erros de gestão: os fotógrafos que não separam as finanças pessoais das finanças do negócio. Salientou a importância da estratégia para saber onde quer chegar, assim como dos processos para que se chegue ao resultado, entre outros pilares que se relacionam com a gestão de finanças. Também da importância de conhecer, de fato, o cenário econômico, adquirindo a consciência de onde estão as dificuldades e as oportunidades.

A última, e talvez mais esperada palestra da Semana da Fotografia, foi “Books Sensuais“, do irreverente Primo Tacca Neto. Tacca contou como a fotografia de moda é “punk”, de extrema exigência em relação a fidelidade de cores e tons, por exemplo, e que é na fotografia sensual onde encontra seu escape, onde consegue ser ele mesmo.

“A minha visão da fotografia sensual é saber o que essa pessoa quer e o que ela precisa pra sair dali se sentindo incrível”, disse Primo Tacca Neto

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (90)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (92)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (93)

iphoto-semana-da-fotografia-tacca-ruca-souza
Foto: Ruca Souza

Tacca falou sobre uma das partes mais importantes da fotografia, que não é a foto em si, mas as histórias aos quais tem acesso nesse momento, tanto curiosas quanto enriquecedoras, e o fato da mulher ter, no ensaio sensual, um espaço para desabafar, para se libertar. “Aquela mulher de antigamente acabou. A mulher de hoje em dia não deve mais nada pra ninguém. A vida dela, ela faz o que ela quiser”, comentou. “O meu papel é entender a essência do negocio, entender porque ela tá ali e me aprofundar ao máximo”.

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (94)

iphoto-semana-da-fotografia-2017 (95)

O fotógrafo também orientou à plateia para que não fotografe para outros fotógrafos, não tenha medo de publicar suas fotos por medo do que os outros vão falar e, principalmente, manter-se do lado de quem lhe motive. “Fotografe só o que você gosta”. Na hora da prática, mostrou como elementos simples podem fazer uma fotografia incrível, lembrando sempre que o importante é que o impacto visual seja único.

Atrações especiais

Nessa 8ª edição da Semana da Fotografia tivemos a participação especial dos fotógrafos Youtubers, que fizeram o maior sucesso entre o público. Marcos Fraresso, do canal Zona da Fotografia, Vanessa Karla e Junior, do canal Dupla Exposição, Luiza Marques, do canal Mundo de LuliLuh Testoni, que leva seu nome no canal, e Felipe Ferreira, do canal Fotografia é o Meu Negócio, trouxeram diversos temas sobre a vida e a profissão de fotografo em pocket palestras de 10 minutos, fazendo a alegria daqueles que são fãs dos canais e conquistando mais fãs que estavam no congresso. Também tivemos a participação da Ong Instituto Espaço Silvestre, que trabalha na reabilitação e retorno à natureza de papagaios-do-peito-roxo, representada por Lígia Jahn, que falou sobre a importância deste trabalho e o impacto dele nas comunidades que o recebem. Também orientou como cada um pode ajudar sem precisar gastar nada para isso.

Vanessa Karla e Junior do canal Dupla Exposição
Vanessa Karla e Junior, do canal Dupla Exposição
Marcos Fraresso, do canal Zona da Fotografia
Marcos Fraresso, do canal Zona da Fotografia
Luiza Marques, do canal Mundo de Luli
Luiza Marques, do canal Mundo de Luli
Felipe Ferreira, do canal Fotografia é o Meu Negócio
Felipe Ferreira, do canal Fotografia é o Meu Negócio
A Youtuber Luh Testoni
A Youtuber Luh Testoni
Lígia Jahn, do Instituto Espaço Silvestre
Lígia Jahn, do Instituto Espaço Silvestre

E você, esteve na Semana da Fotografia? Quais foram para você os melhores momentos? Gostaríamos muito de ler seu relato! Comente aqui embaixo ou mande em texto ou vídeo para [email protected] Obrigada!

Foto oficial da Semana da Fotografia 2017 | Quer baixar em alta? No link: https://goo.gl/bFWGuz
Foto oficial da Semana da Fotografia 2017 | Quer baixar em alta? No link: https://goo.gl/bFWGuz
Livro - Iluminação
Ruca Souza

Ruca Souza

Ruca Souza é editora do iPhoto Channel. Jornalista, também é fotógrafa de coisas e pessoas (nessa ordem) e tem uma banda de rock.

1 comentário

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como aprender mais fotografia…

Selected Title
  • SELECT-vertical.png

Receba as novidades por e-mail