Colunistas Fotografia Analógica

Aprenda a digitalizar seus negativos: um “SAVE” em sua história

iphoto-como-digitalizar-filme-fotografico-analogico-2
Livro - Sem Medo do Flash

Se você tem mais de 30 é bem provável que parte da sua história de infância esteja guardada em caixas de sapatos! Se sua mãe não é daquelas que na hora da faxina joga tudo fora, pode ser que você tenha uma dessas caixinhas cheias de negativos: aquelas tirinhas plásticas com mini fotografias e de cores estranhas. Aqueles filmes eram o backup analógico, pois caso você tenha perdido as fotografias ampliadas em papel, era possível fazer inúmeras cópias a partir dessa matriz.

O que é mais engraçado é que na maioria das famílias o devido valor e cuidado era dado somente às fotografia e não para os negativos. O fato é que tanto o negativo, papel fotográfico ou mídia digital sofrem danos com o passar dos anos, portanto sempre devemos manter o registro de nossa história em várias mídias diferentes. Então não perca tempo e digitalize seus negativos – mesmo porque é sempre bacana postar ou compartilhar essas imagens nostálgicas nas redes sociais.

iphoto-como-digitalizar-filme-fotografico-analogico-1

Existem várias maneiras de se digitalizar um negativo e as lojas de fotografia (geralmente as mais antigas) fazem isso em scanners profissionais. É uma boa pedida para quem tem poucas matrizes a serem escaneadas, pois não sai muito barato (em média R$30,00 um filme de 36 poses)! Existe também no mercado scanners de mesa que fazem esse processo, contudo também não é barato. Um scanner que apresenta boa resolução e qualidade custa mais de R$1.500,00.

iphoto-como-digitalizar-filme-fotografico-analogico-3

Agora se você é meio professor pardal pode montar seu próprio digitalizador de negativos a partir de um monte de materiais reciclável, fita adesiva e uma câmera fotográfica digital! Bolei uma gambiarra onde consegui tirar máxima qualidade dos negativos podendo fazer o trabalho de edição e ainda otimizar o fluxo de trabalho. Confira no vídeo como faço para transformar imagens analógicas em digitais usando uma DSLR e tubo de papelão:

Palavras-chave
Semana da Fotografia 2017
Antonio Neto

Antonio Neto

Antonio Neto é colunista do iPhoto Channel. Doutor em biologia pela Universidade Federal do Paraná, faz da fotografia mais de que uma profissão, um estilo de vida, um estado de espírito. Professor no curso de Extensão em Fotografia da Unifil e Iapec de Londrina no PR. Fotografa desde a adolescência e profissionalmente desde 2009 na área social. Tem como hobby a fotografia de rua, retratos, paisagens noturnas e macrofotografia. Fundador e apresentador do canal Câmera Velha, dedica boa parte do seu tempo livre tanto na captura em película quanto nos processos químicos da revelação analógica. Ainda é colecionador assíduo de câmeras antigas possuindo mais de 100 modelos diferentes . É membro diretor do Foto Clube de Londrina o qual é associado desde 2011. Possui várias obras aceitas em salões e bienais de arte fotográfica além de várias premiações em concursos nacionais e internacionais.

1 comentário

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como aprender mais fotografia…

Selected Title
  • SELECT-vertical.png

Receba as novidades por e-mail